Observatório

Notícias

18/12/2018

Transparência na Câmara é a maior da série histórica do Observatório

A Câmara de Vereadores de Piracicaba atendeu 88% dos indicadores de transparência nas informações prestadas aos cidadãos, por meio do portal da Casa, avaliados pelo Observatório Cidadão de Piracicaba. É o maior percentual desde o início da série histórica, em 2012.

A íntegra do boletim pode ser conhecida aqui 

Os critérios de avaliação são baseados nas recomendações da 1ª Conferência Municipal sobre Transparência e Controle Social, nas  legislações federal, estadual e municipal, além de outros, considerados relevantes pelo Observatório e por isso, incluídos.

O responsável pelo crescimento do percentual de transparência foi o acréscimo das informações das despesas, em tempo real. No entanto, o portal da Câmara ainda não informa aos munícipes a agenda dos vereadores, bem como a relação com empresas e funcionários terceirizados, de forma satisfatória.

“Isso é  consequência do trabalho que a Câmara  vem desenvolvendo, ao longo do tempo. Mostra que há um compromisso e um esforço para realiza-lo”, diz Bruno Vello, cientista político, membro do Observatório, que lembra os eventos e a consulta pública  para definir ações de parlamento aberto ,realizadas ao longo do ano, como outra demonstração desse propósito.  

Para Renato Morgado, coordenador de políticas públicas do Imaflora e membro do Observatório, “a transparência é fundamental para que a sociedade acompanhe tanto as atividades legislativas da Câmara, como a tramitação de leis, quanto as administrativas, o que inclui o uso dos recursos públicos. O avanço dos últimos anos foi considerável e a expectativa é que a próxima mesa diretora mantenha a transparência como diretriz.”   

A íntegra do boletim pode ser conhecida aqui 

 
Voltar Notícias